Mato Grosso

QUALIFICAÇÃO

Prefeito discute cursos e Alto Araguaia terá unidade do SENAC a partir de 2020

Encontro aconteceu na manhã desta terça-feira (9) no gabinete com o gerente do SENAC de Rondonópolis, Cezar Romano, e a presidente da ACEAIA, Marilene Rezende.

Data: Quinta-Feira, 11 de Abril de 2019
Fonte:Site Prefeitura de Alto Araguaia
Autor:Marcos Cardial | Assecom/AIA
Foto Por: Marcos Cardial | Assecom/AIA
Prefeito Gustavo Melo e a presidente da ACEAIA, Marilene Rezende, em reunião com gerente do SENAC de Rondonópolis, Cezar Romano

O município de Alto Araguaia (415 km de Cuiabá) tem tudo para receber uma sede do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC) a partir de 2020. O assunto foi discutido nesta terça-feira (9) entre o prefeito Gustavo Melo (PSB), a presidente da Associação Comercial e Empresarial (ACEAIA), Marilene Rezende, e o gerente do órgão em Rondonópolis, Cezar Romano. Além de uma área para instalação da unidade, a demanda de cursos de qualificação esteve na pauta de assuntos. O chefe do Executivo assegurou que vai empreender os esforços para consolidação do projeto com foco na qualificação da mão de obra da população.

Ao avaliar as tratativas, o prefeito comemorou a boa notícia de que o município foi escolhido para contar com uma sede do SENAC na região. Em Alto Araguaia deve ser explorado o conceito de unidade parque, a exemplo do modelo que está em construção no município de Sinop, no Norte de Mato Grosso.

“Foi uma reunião muito produtiva. Faz parte do nosso planejamento qualificar a mão de obra local. Nos foi solicitada uma área de 3 mil metros quadrados para que seja montada uma estrutura própria do SENAC na cidade já a partir do ano que vem. É um investimento muito importante para Alto Araguaia. Nossa cidade está de braços abertos para receber o SENAC”, disse o prefeito.

Antes da assinatura de um termo de cooperação técnica entre a Prefeitura e o SENAC, será feito um estudo para levantar a demanda de cursos na cidade. Essa frente de atuação contará com envolvimento da ACEAIA, secretarias de Assistência Social e Educação, e o Centro de Referência em Assistência Social (CRAS). “O objetivo é identificar as principais necessidades em cursos, buscar qualificar a mão de obra local e preparar a população para os investimentos que estão por acontecer em nosso município”, emenda Gustavo Melo.

O gerente regional do SENAC, Cezar Romano, explicou que o objetivo ao disponibilizar cursos à comunidade é a formação técnica profissionalizante por meio de cursos ofertados à população. Na gama de ofertas de cursos haverá capacitações tanto gratuitas como pagas, com valores diferenciados.

“A princípio a gente já consegue identificar demanda do curso de vendas, boas práticas e manipulação de alimentos. Acreditamos que ainda neste primeiro semestre a gente já consiga qualificar cerca de 150 a 200 pessoas. Esse ano já traremos uma estrutura de base na própria prefeitura, mas no ano que vem no segundo semestre certamente já estaremos com a nossa estrutura toda montada aqui na cidade”, assegura.

A presidente da ACEAIA, Marilene Rezende, reconheceu que a parceria Prefeitura, SENAC e ACEAIA é importante no processo de qualificação da mão de obra local visando a melhora dos serviços ofertados à comunidade, além de preparar a população para os investimentos que o município receberá a partir de 2020.

“As pessoas têm que se conscientizar que só vão entrar no mercado de trabalho se tiver qualificação. As pessoas precisam se qualificar. Precisamos estar preparados para o desenvolvimento. Ficamos felizes com essa futura parceria que de constrói. Quem tem a ganhar é a população de Alto Araguaia”, cita a presidente.